Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Diplomacia comercial

economica comercial dprNenhuma outra instituição brasileira, pública ou privada, conta com estrutura de promoção comercial no exterior tão ampla quanto a do Itamaraty, o que demonstra o papel do Ministério na estratégia comercial brasileira – tanto no aspecto político, mediante realização de contatos governamentais e empresariais, quanto no operacional, por meio da produção de informações para subsidiar a promoção do comércio exterior.

 

No Ministério das Relações Exteriores, cabe ao Departamento de Promoção Comercial e Investimentos (DPR) e à rede de Setores de Promoção Comercial (SECOMs) instalados em Embaixadas e em Consulados brasileiros, promover o comércio e o turismo, atrair investimentos estrangeiros e contribuir para a internacionalização de empresas brasileiras.

O Departamento de Promoção Comercial e Investimentos está organizado em quatro divisões:

  • Divisão de Investimentos (DINV);

  • Divisão de Inteligência Comercial (DIC);

  • Divisão de Programas de Promoção Comercial (DPG) e

  • Divisão de Operações de Promoção Comercial (DOC).

No exterior, os Setores de Promoção Comercial nas Embaixadas e Consulados brasileiros são pontos de referência para a promoção comercial e a atração de investimentos. Dentre suas atribuições está realizar estudos de mercado e intermediar reclamações comerciais.

O Ministério das Relações Exteriores atua para atrair capital estrangeiro, contribuindo para o desenvolvimento industrial e de serviços, como também para fortalecer o mercado financeiro nacional. São desenvolvidas, também, iniciativas para estimular a participação estrangeira em setores estratégicos, promovendo desenvolvimento econômico com inclusão social.

Com o objetivo de contribuir para a internacionalização de empresas brasileiras, o Itamaraty divulga estudos sobre oportunidades em mercados potenciais e realiza gestões oficiais junto a Governos estrangeiros sobre interesses específicos de empresas brasileiras. Essas atividades são coordenadas pela Divisão de Investimentos.

invest export ptPor meio do portal Invest& Export Brasil, supervisionado pela Divisão de Programas de Promoção Comercial, o Itamaraty divulga pesquisas e informações sobre economia e comércio exterior. A Divisão de Inteligência Comercial também apoia diretamente o empresariado, a exemplo do atendimento a consultas comerciais e da elaboração de publicações sobre temas de comércio exterior, com o objetivo de identificar e criar oportunidades de negócio em outros países e contribuir para os debates acerca da estratégia de promoção das exportações nacionais. Por aprofundarem laços de comércio, de investimento e de integração com outros países, tais iniciativas são, também, instrumentos de política externa.

Por meio da Divisão de Operações de Promoção Comercial, o Itamaraty organiza missões comerciais – das quais, muitas vezes, participam autoridades governamentais brasileiras, em nível presidencial ou ministerial. Eventos de promoção comercial resultam em ações diretas e imediatas de divulgação dos produtos, das empresas e do turismo brasileiros no exterior.

 

Parcerias na promoção comercial brasileira 

O Itamaraty não atua isoladamente na elaboração e na execução da estratégia de promoção comercial brasileira – desenvolve suas iniciativas em coordenação e cooperação com outros órgãos do Governo brasileiro envolvidos com o tema.

No setor público, destacam-se os esforços empreendidos conjuntamente com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), com o BNDES e com o Banco do Brasil – além de diálogo e eventos realizados em parceria com a ApexBrasil. Dessa colaboração resultam projetos para o fortalecimento das políticas de promoção comercial brasileiras. A promoção do turismo no Brasil é realizada por meio de parcerias com o Ministério do Turismo, com a Embratur, com Secretarias Estaduais e Municipais de turismo, com outras agências governamentais e com entidades privadas.

No setor privado, destacam-se as iniciativas empreendidas na área internacional por entidades como a Confederação Nacional da Indústria e as Federações Estaduais de Indústria, além das associações setoriais e das Câmaras de Comércio bilaterais.

{backbutton}

Fim do conteúdo da página