Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

 Embaixadora Maria Dulce Silva Barros 
 

Nascida em Teresina, entrou na carreira diplomática em 1972. Formou-se em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). 

Na Secretaria de Estado trabalhou nos setores de administração, organismos internacionais especializados, promoção comercial, assuntos africanos e, nos anos 90, foi vice-diretora do Instituto Rio Branco.

Teve como primeiro posto no exterior a missão do Brasil junto à Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington, D. C., onde foi representante alterna de 1985 a 1988.  Depois de Washington serviu na Embaixada em La Paz. Em seguida, foi designada para os Países Baixos. Em Haia, foi representante alterna junto  à Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ), entre 1999 e 2003. Em Buenos Aires, permaneceu quatro anos como ministra-conselheira, representou seu último posto nesta categoria funcional, antes de ser nomeada em 2007 embaixadora em Praia, Cabo Verde. Depois viria São José, Costa Rica, e finalmente a função de cônsul-geral em Lisboa.

Recebeu condecorações da Marinha do Brasil, do Exército e da Aeronáutica. Foi agraciada com a Grã-Cruz da Ordem do Rio Branco, com a Medalha do Mérito de Cabo Verde e a Gran Cruz del Orden Nacional Juan Mora Fernandez, da Costa Rica.

Casada com Hélio Guedes de Campos Barros, tem dois filhos: Luís (40) e Maria Eduarda (37).

sgeb@itamaraty.gov.br

+55 61 2030-9934


Reportar erro

Agenda - Subsecretário-geral das Comunidades Brasileiras e de Assuntos Consulares e Jurídicos

11 de Dezembro de 2018

Fim do conteúdo da página