Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
185

O Governo brasileiro recebeu com satisfação a reeleição do Embaixador José Augusto Lindgren Alves como membro do Comitê para a Eliminação da Discriminação Racial da ONU (CERD). Com 138 votos entre as 174 delegações presentes, foi o candidato mais votado dos 16 postulantes à eleição realizada hoje, em Nova York.

Autor de várias obras sobre Direitos Humanos, o Embaixador José Augusto Lindgren Alves é bacharel em Direito e diplomata de carreira desde 1970. Assumiu, entre outras funções, a Direção do Departamento de Direitos Humanos e Temas Sociais do Itamaraty, a Chefia da Delegação Brasileira na Conferência Regional Preparatória para a Conferência Mundial de Direitos Humanos, em São José, e a Coordenação da força tarefa negociadora do Comitê de Redação da Conferência Mundial sobre Direitos Humanos de Viena, em 1993.

Este mandato, que terá início em 20 de janeiro de 2014 e durará quatro anos, será o quarto consecutivo do Embaixador Lindgren Alves no Comitê.

O CERD – Comitê para a Eliminação da Discriminação Racial foi criado em 1966, quando da assinatura da Convenção pela Eliminação de Todas as Formas de Discriminação Racial. O Brasil assinou o tratado em 7 de março de 1966 e o ratificou em 27 de março de 1968.

Fim do conteúdo da página