Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
205

A Presidenta Dilma Rousseff realizará visita de trabalho, no dia 30 de maio, a Montevidéu, para dar continuidade ao diálogo com o Presidente José Mujica sobre temas de interesse comum.

Além de examinarem assuntos da agenda global e regional, os dois presidentes discutirão o andamento dos principais projetos da agenda bilateral. Receberá atenção prioritária dos Presidentes o conjunto de iniciativas e obras de infra-estrutura que pretendem criar novo dinamismo no processo de desenvolvimento integrado do norte uruguaio e da metade sul do Rio Grande do Sul, em particular a construção de uma nova ponte sobre o Rio Jaguarão, a reativação da interconexão ferroviária e a implantação da Hidrovia Uruguai-Brasil. Ainda na área de infra-estrutura, os mandatários examinarão as possibilidades de cooperação em energia e a construção da linha de transmissão elétrica entre os dois países. Durante a visita, também será criado um novo mecanismo para coordenar a cooperação em ciência, tecnologia e inovação.

Está prevista a assinatura de acordos e memorandos de entendimento sobre iniciativas que já se encontram em andamento e novas áreas que ampliarão o horizonte temático do relacionamento bilateral. Os acordos incluem ciência e tecnologia, cooperação para a instalação de laboratórios de conteúdos de TV Digital e aplicações interativas no Uruguai, um plano de ação conjunto relativo à massificação do acesso à internet em banda larga e diversos documentos nas áreas de cultura, saúde, segurança pública e habitação.

O Brasil consolidou-se nos últimos anos como principal destino das exportações uruguaias e o principal fornecedor do Uruguai. Em 2010, o intercâmbio bilateral ultrapassou os US$ 3 bilhões, o que representou um aumento 19,4% em relação ao ano anterior. O intercâmbio comercial foi equilibrado, com aproximadamente o mesmo valor de US$ 1,5 bilhão tanto de exportações para o Uruguai quanto de importações provenientes do país vizinho.


Mais sobre as relações bilaterais Brasil-Uruguai

Fim do conteúdo da página