Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
432

O Ministério das Relações Exteriores recebeu com satisfação o desfecho favorável do caso da brasileira Vitória Alves Jesumary e de sua filha menor. As brasileiras se encontravam desde o dia 28 de novembro abrigadas na Embaixada do Brasil em Oslo, Noruega, onde aguardavam decisão do conselho tutelar local quanto ao cancelamento da ordem de entregar a menor a uma família substituta e à autorização de saída da criança do país para retorno ao Brasil, tendo ambas embarcado hoje às 18h (hora local).

Durante o período em que permaneceram acolhidas na Embaixada, as brasileiras receberam toda a assistência por parte do Governo brasileiro. A Embaixada em Oslo, em coordenação com o advogado da família, proporcionou mediação entre a brasileira e seu ex-marido, acompanhou todas as audiências judiciais, realizou gestões junto às autoridades norueguesas e providenciou a repatriação de ambas.

No Brasil, o Itamaraty manteve contato com a família da brasileira e acionou o Centro de Referência de Assistência Social de Varadouro (Olinda/PE) para a emissão dos documentos solicitados pelas autoridades norueguesas, que possibilitaram a reversão da decisão do conselho tutelar e a autorização de retorno ao Brasil.

Fim do conteúdo da página