Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
267

O governo brasileiro condena veementemente o brutal assassinato de Edmundo Rada, dirigente do partido Voluntad Popular e ex-vereador do munícipio de Sucre, na Venezuela. À luz dos fortes indícios de motivações políticas do crime contra a vida de Edmundo Rada e de tantos outros líderes venezuelanos, o governo brasileiro insta a que sejam investigados os crimes políticos praticados naquele país e punidos os culpados.

As violações a direitos políticos na Venezuela têm sido amplamente registradas pelos órgãos internacionais de supervisão de direitos humanos. O assassinato de Edmundo Rada comprova, de maneira trágica, a necessidade de constante participação dos organismos multilaterais nas investigações de violações a direitos humanos na Venezuela.

Fim do conteúdo da página