Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
176

Durante sessão do Comitê do Patrimônio Mundial – cuja Vice-Presidência é atualmente ocupada pelo Brasil –, reunido em Baku, Azerbaijão, o sítio “Paraty e Ilha Grande: cultura e biodiversidade” foi inscrito em 5 de julho de 2019 na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO, tendo-se tornado o primeiro sítio misto (natural e cultural) do Brasil a ostentar o título.

O sítio “Paraty e Ilha Grande: cultura e biodiversidade” é constituído por cinco elementos: o Parque Nacional da Serra da Bocaina, a Reserva Ecológica da Juatinga, o Centro Histórico de Paraty, o Parque Estadual da Ilha Grande e a Reserva Biológica de Praia do Sul.

O Brasil já tinha inscritos nas listas do Patrimônio Mundial da UNESCO os seguintes 21 sítios:


Lista do Patrimônio Cultural Mundial

1. Brasília
2. Centro histórico de Salvador
3. Centro histórico de São Luís
4. Centro histórico de Diamantina
5. Centro histórico de Goiás Velho
6. Centro histórico de Olinda
7. Centro histórico de Ouro Preto
8. Missões Jesuíticas dos Guaranis
9. Conjunto Moderno da Pampulha
10. Rio de Janeiro: Paisagens cariocas entre a montanha e o mar
11. Santuário de Bom Jesus de Congonhas
12. Praça de São Francisco na cidade de São Cristóvão
13. Parque Nacional da Serra da Capivara
14. Sítio arqueológico do Cais do Valongo

Lista do Patrimônio Natural Mundial

1. Reserva da Mata Atlântica
2. Ilhas atlânticas de Fernando de Noronha e Atol das Rocas
3. Complexo de Conservação da Amazônia Central
4. Parque Nacional do Iguaçu
5. Áreas Protegidas do Cerrado: Chapada dos Veadeiros e Parque Nacional das Emas
6. Área de conservação do Pantanal
7. Reservas florestais da Costa do Descobrimento

Fim do conteúdo da página