Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
21

O governo brasileiro reitera sua mais veemente condenação do atentado terrorista praticado em 17 de janeiro corrente contra a Escola de Polícia General Santander, em Bogotá, Colômbia, que causou numerosas mortes.

Ao condenar os atos do auto-denominado Exército de Liberação Nacional (ELN), que admitiu responsabilidade pelo atentado, o governo brasileiro empresta seu mais completo respaldo ao governo da Colômbia em sua exigência de que o ELN deponha imediatamente as armas e coloque em liberdade as pessoas que mantém sequestradas.

O governo brasileiro também apoia o governo da Colômbia em sua determinação de levar à justiça os responsáveis por esse ato terrorista.

O governo brasileiro reitera sua solidariedade e suas sentidas condolências às famílias das vítimas e estende aos feridos votos de plena e rápida recuperação.

Fim do conteúdo da página