Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
111

Foi com profunda tristeza que recebi a notícia do falecimento do diretor Nelson Pereira dos Santos. O Brasil perdeu um de seus mais importantes e premiados artistas, dotado de excepcional talento e criatividade.

Ao longo de sua carreira, dirigiu e produziu obras icônicas como "Vidas Secas" e "Memórias do Cárcere". Inspirou gerações de cineastas no Brasil e no mundo desde os anos 50, quando, influenciado pelo Neorrealismo italiano, dirigiu filmes como "Rio 40 Graus" e tornou-se precursor do movimento Cinema Novo. Primeiro cineasta a ocupar uma cadeira na Academia Brasileira de Letras, Nelson Pereira dos Santos foi um dos brasileiros que mais contribuíram para engrandecer a imagem de nossa cultura no exterior.

Expresso minhas condolências aos familiares e amigos de Nelson Pereira dos Santos, em meu nome e em nome do Itamaraty.

Aloysio Nunes Ferreira

Pesquisa:
Fim do conteúdo da página