Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
425


 
O Ministro dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação Internacional da República Italiana, Paolo Gentiloni, realiza visita ao Brasil entre 3 e 6 de novembro. O Ministro italiano cumprirá agenda em São Paulo e Brasília, acompanhado de delegação de entidades e empresários dos setores de energia e infraestrutura.
No dia 5 de novembro, em Brasília, o Ministro italiano será recebido pelo Vice-Presidente Michel Temer e terá encontro de trabalho com o Ministro das Relações Exteriores, Embaixador Mauro Vieira.

No encontro com o Ministro Mauro Vieira, serão repassados os principais temas da agenda bilateral, como comércio e investimentos, defesa, educação e parcerias na área de pequenas e médias empresas. Serão tratados, ainda, temas regionais e globais, como as negociações MERCOSUL-União Europeia, negociações sobre mudança do clima e a situação no Oriente Médio e Norte da África.

O Ministro Paolo Gentiloni também se encontrará com os Ministros da Defesa, da Ciência e Tecnologia e Inovação, das Minas e Energia e do Planejamento, Orçamento e Gestão.

A Itália é Parceira Estratégica do Brasil desde 2007. Cerca de 30 milhões de brasileiros possuem origem italiana. Há intenso fluxo turístico de parte a parte e comunidades importantes de brasileiros na Itália e de italianos no Brasil.

Em 2014, a Itália foi o 9º principal parceiro comercial brasileiro. Em 2014, o intercâmbio comercial bilateral alcançou US$ 10,33 bilhões. Com mais de 1.200 empresas atuando no território brasileiro, a Itália ocupa a 10ª posição entre os países que mais investem no Brasil, com estoque de investimentos da ordem US$ 17,8 bilhões. O Brasil possui importantes investimentos na Itália, concentrados nos setores bancário, alimentício, de transporte aéreo, de processamento de couros, de comunicações, de compressores para refrigeração e de comercialização de calçados.


Mais sobre as relações bilaterais Brasil-Itália

Fim do conteúdo da página