Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

O antropólogo brasileiro Milton Guran visitou o Cameroun de 2 a 7 de junho no âmbito do projeto de cooperação bilateral para apoiar a candidatura do Porto de Bimbia (antigo porto negreiro situado a sudoeste do Cameroun) à lista do Patrimônio Cultural da UNESCO. Ele cumpriu extensa agenda, com visita ao sítio arqueológico, reuniões técnicas e palestras na universidade de Iaundê e no Centro de Pesquisa e Documentação sobre Tradições e Línguas Africanas. Guran foi convidado pelo governo camerounês, com o apoio da Embaixada do Brasil em Iaundê, porque foi o especialista brasileiro responsável pela campanha que levou à inscrição do Cais do Valongo (Rio de Janeiro) como patrimônio da humanidade, em 2017. O professor expressou satisfação em poder contribuir para fazer avançar a candidatura de Bimbia e recordou que esta já cumpriu etapa importante, ao ser incluída na lista tentativa da UNESCO. 

Fim do conteúdo da página