Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

República de San Marino

san marino

As relações diplomáticas entre Brasil e San Marino foram estabelecidas em 1984. A Embaixada do Brasil em Roma (Itália) é cumulativamente responsável por representar o país junto a San Marino. A cooperação educacional entre o Brasil e San Marino é parte importante da pauta bilateral.

Em agosto de 2015, o Secretário de Estado da Educação e da Cultura de San Marino, Giuseppe Maria Morganti, realizou, a primeira viagem oficial de uma autoridade samarinesa ao Brasil, onde encontrou o então Ministro da Educação brasileiro, Renato Janine Ribeiro. O Secretário de Estado Morganti e o Embaixador, não residente, do Brasil em San Marino mantiveram três encontros: em abril e julho de 2015, em Roma, e em março de 2016, em San Marino.

No campo econômico, em 2019, as exportações brasileiras para San Marino chegaram a US$ 66,2 mil (224º maior comprador). As vendas samarinesas para o Brasil alcançaram US$ 8,48 milhões (107º maior vendedor). O déficit brasileiro, por sua vez, chega a 8 milhões  de dólares (US$ 8,42 bilhão). Alguns dos principais produtos exportados pelo Brasil à San Marino (2019) são: vestuário (46%); carrinhos de bebê e brinquedos (16%); e calçados (8,2%). O Brasil importa de San Marino medicamentos (91%); produtos da indústria de transformação (4,4%); e medicamentos e produtos farmaceuticos (2,9%).

A diplomacia de San Marino é atuante em foros e há convergência de posições com as do Brasil em diversos temas da agenda internacional.


Cronologia das relações bilaterais

1984 – Estabelecimento formal de relações bilaterais

2002 – Embaixada do Brasil em Roma (Itália) passa a ser cumulativamente responsável pela representação do país junto a San Marino

2002 – Elevação do Consulado-Honorário de San Marino em São Paulo a Consulado-Geral de San Marino em São Paulo

2015 – Visita do secretário de Estado da Educação e da Cultura de San Marino, Giuseppe Maria Morganti ao Brasil. Foi a primeira viagem oficial de uma autoridade samarinesa ao Brasil

2016 – Por ocasião da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, os então capitães-regentes, Gian Nicola Berti e Massimo Andrea Ugolini visitaram o Brasil, acompanhados do secretário de estado de Turismo, Políticas Juvenis e Esporte, Teodoro Lonfernini; do embaixador não residente, Filippo Francini; e da responsável do Cerimonial Diplomático, Silvia Berti

Fim do conteúdo da página