Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Antígua e Barbuda


As relações entre Brasil e Antígua e Barbuda receberam impulso com a abertura, em 2009, da embaixada residente do Brasil em Saint John's e, em 2010, com a realização da I Cúpula Brasil – CARICOM, durante a qual foram firmados acordos bilaterais em diversas áreas. Desde então, o Brasil tem buscado manter iniciativas de cooperação e promover diálogo amparado em pontos de convergência nos âmbitos histórico, geográfico, social e cultural.

Com relação à cooperação bilateral, sobrelevam áreas como agricultura familiar, segurança alimentar e desenvolvimento agrícola. Merece destaque a assinatura do acordo-quadro sobre cooperação em matéria de defesa, que possibilita o compartilhamento de conhecimentos e experiências entre as Forças Armadas, além de apoio logístico, parceria em pesquisa e desenvolvimento e aquisição de produtos e serviços de defesa.

Em 2018, o comércio bilateral totalizou US$ 16,28 milhões. As exportações brasileiras para Antígua e Barbuda somaram US$ 16,19 milhões (aumento de 110% em relação a 2017), ao passo que as importações totalizaram US$ 0,09 milhões. A balança bilateral é favorável ao Brasil, com superávit de US$ 16,1 milhões.

Cronologia das relações bilaterais

2013 – O primeiro-ministro de Antígua e Barbuda encontra-se com o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, durante a Cúpula da Comunidade de Estados Latino-americanos e Caribenhos (CELAC)

2010 – O primeiro-ministro de Antígua e Barbuda e o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, encontram-se à margem da 65ª Assembleia-Geral das Nações Unidas

2010 – É realizada a I Cúpula Brasil-Comunidade do Caribe (CARICOM), em Brasília. O primeiro-ministro de Antígua e Barbuda encontra-se com o presidente Lula e é emitido Comunicado Conjunto Brasil – Antígua e Barbuda

2009 – É aberta a embaixada residente do Brasil em Antígua e Barbuda, com sede em Saint John's

2008 – É realizada nova transferência da representação dos interesses brasileiros junto a Antígua e Barbuda, desta vez para a embaixada do Brasil em Barbados

1982 – A representação dos interesses brasileiros junto a Antígua e Barbuda está a cargo da embaixada do Brasil na Jamaica

Fim do conteúdo da página