Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
mali


As relações diplomáticas entre o Brasil e o Mali foram estabelecidas em 1962. Marco importante na aproximação entre os dois países foi a visita que o Presidente Moussa Traoré fez ao Brasil (1981), quando se decidiu criar uma comissão mista entre os dois países – foro de diálogo para tratar de temas bilaterais – e assinou-se um acordo de cooperação cultural, científica e técnica.

As relações ganharam novo impulso na primeira década do século XXI, com a abertura da Embaixada do Brasil em Bamako (2008) e da Embaixada do Mali em Brasília (2011). A cooperação no setor algodoeiro destaca-se, sendo o Mali um dos beneficiários do "Cotton-4", projeto de cooperação brasileiro que visa a criar condições para a melhoria da produção de algodão no Mali, no Benim, em Burkina Faso e no Chade.

Cronologia das relações bilaterais

1960 – Brasil reconhece a independência do Mali 

1962 – Brasil e Mali estabelecem relações diplomáticas 

1981 – Visita ao Brasil do Presidente Moussa Traoré; Assinatura dos Acordos de Cooperação Cultural, Científica e Técnica e para a criação de uma Comissão Mista

1996 – Visita ao Brasil do Primeiro-Ministro Ibrahim Keita

1999 – Visita ao Brasil da Ministra das Comunicações, Ascofare Oulematou Tamboura

2007 – Criação da Embaixada do Brasil no Mali, residente em Bamako. A Embaixada começa a funcionar efetivamente no segundo semestre de 2008

2008 – Encontro entre o Ministro Celso Amorim e o Ministro da Economia, Indústria e Comércio do Mali, Amadou Diallo, à margem da XII UNCTAD

2008 – Visita ao Brasil do Ministro de Obras Públicas e Transporte do Mali, Hamed Diané Sémega

2009 – Visita ao Brasil do Ministro de Negócios Estrangeiros do Mali, Moctar Ouane

2009 – Visita ao Mali do Ministro Celso Amorim

2010 – Visita ao Brasil do Presidente Amadou Touré

2013 – Brasil envia representante para a cerimônia de posse do novo Presidente democraticamente eleito do Mali.

2016 – I Reunião do Comitê Gestor do Projeto Cotton-4 + Togo, em Brasília (25 a 29 de abril)

 

 
 
Fim do conteúdo da página