Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
lesoto
 
Brasil e Lesoto estabeleceram relações diplomáticas em 1970. A Embaixada do Brasil em Moçambique era cumulativamente responsável por representar o Brasil junto ao Lesoto até 1997, quando a essa responsabilidade foi transferida para a Embaixada do Brasil em Pretória (África do Sul). O Embaixador do Lesoto em Washington (Estados Unidos) é também Embaixador não-residente junto ao Brasil.
 
Em 2010, o Ministro dos Negócios Estrangeiros do Lesoto, Mohlabi Kenneth Tsekoa, foi recebido em Brasília pelo Chanceler Celso Amorim. Essa foi a primeira visita de um Chanceler lesotano ao Brasil. Na ocasião, os dois países assinaram Acordo-Quadro de Cooperação Técnica, que já se encontra em vigor. Há potencial de cooperação nas áreas de educação, HIV/AIDS, turismo, agricultura, recursos hídricos, combate à fome, redução da pobreza e esporte.
 
O Lesoto dispõe de importantes recursos minerais, o que pode gerar oportunidades para o Brasil. O país se beneficia das posições brasileiras em favor dos países de menor desenvolvimento relativo na OMC. O Lesoto é membro da União Aduaneira da África Austral (SACU), com a qual o MERCOSUL assinou acordo de preferências tarifárias (2009).
 
Cronologia das relações bilaterais
 
1970 – Estabelecimento de relações diplomáticas
 
1991 – Abertura de Consulado Honorário de Lesoto em São Paulo
 
2010 – Visita ao Brasil do Chanceler Mohlabi Kenneth Tsekoa
 
2010 – Assinatura de Acordo-Quadro de Cooperação Técnica
 
 
 
Fim do conteúdo da página